O que é saúde emocional? Entenda e promova na sua empresa

saude-emocional

Falar sobre saúde emocional nunca esteve tão presente no nosso cotidiano. Em especial, quando abordamos a importância que ela exerce no ambiente de trabalho.

 

Quando um colaborador está feliz em suas funções, apresenta um alto desempenho, desenvolve melhor sua criatividade e contagia os demais integrantes da equipe, o que contabiliza bons resultados para todos.

 

Para isso, as empresas precisam promover ações voltadas à saúde e bem-estar, e dar apoio direto para aqueles que, de alguma maneira, apresentam-se mais vulneráveis.

 

Neste post, apresentamos alguns passos para trazer um ambiente de trabalho mais saudável, leve e seguro.

 

O que é saúde emocional?

 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a saúde emocional pode ser definida como “um estado de bem-estar onde o indivíduo realiza suas próprias habilidades, lida com os fatores estressantes normais da vida, trabalha produtivamente e é capaz de contribuir com a sociedade”.

 

Em outras palavras, essa definição está diretamente relacionada à forma como compreendemos e lidamos com as nossas emoções no dia a dia

 

Se temos a capacidade de administrar sentimentos como tristeza, ansiedade e frustração de forma equilibrada, por exemplo, encontramos o caminho para viver de forma harmoniosa.

 

Porém, existem situações inesperadas que podem despertar sensações negativas, e é preciso saber trabalhá-las.

 

O ponto de atenção surge quando essas emoções começam a interferir na rotina, nos afazeres e nos nossos relacionamentos. 

 

Isso indica que está na hora de investigar possíveis causas e promover ações voltadas a fortalecer a saúde emocional.

 

Saúde emocional x trabalho: como administrar

 

Mais uma vez, a palavra de ordem é equilíbrio. Devemos ter em mente que tudo na vida deve ser dosado. 

 

Se colocarmos muito açúcar no café, automaticamente teremos que lidar com a frustração de tomar algo doce demais, e pior, podemos arcar com consequências futuras sobre nosso corpo, caso isso se torne uma rotina. 

 

Parece uma comparação esdrúxula, mas, dentro de uma empresa, o significado de carga emocional pode estar diretamente ligado à nossa saúde mental, o que consequentemente interfere no nosso bem-estar.

 

Os impactos da rotina de trabalho

Selecionamos alguns pontos que podem influenciar diretamente as nossas emoções dentro do ambiente corporativo.

 

Carga horária

 

Muitas vezes, deixamos um, dois, três dias da semana o nosso horário de trabalho ultrapassar aquelas horas previstas de expediente. 

 

Quando nos damos conta, o banco de horas está quilométrico e esse tempo a mais já está incorporado na nossa rotina. Hora extra deve ser exceção, e não regra!

 

Nesse contexto, acabamos por deixar de fazer outras atividades prazeirosas, que fazem sentido pessoal, como momentos de lazer, descontração e práticas de autocuidado. O tempo dedicado para tais atividades não pode ser atrapalhado pelo trabalho.

 

Quantidade de afazeres

 

Você já deve ter refletido algo do tipo: todos temos atividades similares e ganhamos o mesmo salário aqui, então por que eu devo fazer mais que meu colega?

 

O ponto-chave é o equilíbrio. A dimensão do balanceamento entre as obrigações de sua função com outras demandas do trabalho não devem gerar sobrecarga e cobranças adicionais.

 

Qualidade de vida e trabalho

 

Sentir realização desde a hora que pisamos na empresa até o momento em que encerramos o expediente é fundamental. 

O trabalho não pode ser um fardo, o qual vivemos por esperar o fim de semana ou as férias para nos livrarmos. 

Sabemos que muitos cargos podem sofrer mais psicologicamente, por conta dos desafios do dia a dia.

 

Por isso, é fundamental que a nossa saúde emocional esteja cuidada e seja promovida constantemente no ambiente de trabalho.

 

RHs e gestores devem estar antenados e cientes de que seus colaboradores estão suscetíveis a esgotamento mental e físico, e que o respaldo precisa ser constante.

 

Empresas precisam investir

 

É importante ficar claro que o indivíduo que está com a sua saúde emocional desequilibrada terá a vida pessoal afetada, bem como seu desempenho no trabalho. 

 

As pessoas emocionalmente fragilizadas podem ter menor dedicação e motivação para realizar suas tarefas, além da falta de senso de propósito. Ou seja, mesmo que a intenção seja sempre dar o melhor na função, isso se torna inviável. 

 

É nesse momento que o apoio da empresa se torna ainda mais importante.

 

A OMS promoveu um estudo em 2018 que mostra que a cada um dólar investido em ações que promovem melhorias na saúde e bem-estar mental dos colaboradores, a empresa ganha quatro dólares em rendimentos com o aumento da produtividade.

Por que ainda não olhamos com cuidado para a saúde emocional?

cuidado-saude-emocional

Porque estamos presos a tabus do passado. 

 

Não temos tempo de nos dedicar a nós mesmos. O trabalho, muitas vezes, consome nosso dia e, em algumas situações, alimentamos uma preocupação excessiva com os outros, deixando o autocuidado de lado.

 

Colocar em prática este ato de amor próprio traz benefícios tanto para o nosso presente quanto para o futuro:

 

  • melhora da confiança e autoestima no trabalho;

  • traz maior capacidade de concentração;

  • aumenta o desenvolvimento profissional;

  • eleva o controle sobre as nossas emoções;

  • desenvolve inteligência emocional;

  • facilita tomar melhores decisões;

  • gera flexibilidade em relação a mudanças.


Promover a saúde emocional dos colaboradores é como fortalecer a empresa. Todos ficam mais preparados para os desafios diários. 

 

Possíveis indícios da saúde emocional abalada

 

Dia a dia, os sinais nem sempre são muito claros. Para facilitar, separamos alguns sinais de fragilidade na saúde emocional que podemos identificar em nós mesmos e nos colegas de trabalho:

 

  • descontentamento com a vida;
  • queda na autoconfiança e na autoestima;
  • falta de entusiasmo e capacidade de se divertir;
  • menor habilidade de lidar com o estresse e com as adversidades;
  • dificuldade em aprender e se adaptar a mudanças;
  • desequilíbrio entre trabalho e descanso;
  • falta de controle sobre emoções e comportamentos;
  • falta de resiliência para lidar com desafios.

 

Fique atento, esses sinais podem aparecer em maior ou menor intensidade. Porém, é preciso atenção redobrada, pois abrem portas para diversas doenças ocupacionais, principalmente as relacionadas a transtornos mentais, como depressão, ansiedade e Síndrome de Burnout.

 

Saúde emocional em dia é um grande desafio

 

A preocupação com a saúde emocional de muitos colaboradores parece ter virado um grande alerta para boa parte das empresas que prezam pela qualidade de vida daqueles que vestem a camisa.

 

Com os efeitos da pandemia da Covid-19, a atenção de todos ao tema ganhou novos contornos. Momentos de muitas mudanças impactaram na vida de todos, e infelizmente retomar as atividades e ter de volta uma rotina saudável leva um tempo diferente para cada um. Ou seja, o que para um é uma adaptação ágil, para outro pode ser lenta e cheia de obstáculos, se não tratada de forma correta.

 

Alterações na rotina, adaptação ao home office, implantação de uma cultura híbrida, o distanciamento abrupto dos colegas de trabalho… Sem falar na soma de outros pontos trazidos pela pandemia.

 

Perda de entes queridos, sequelas da doença e o medo da morte afetaram diretamente a saúde mental de todos nós. Está comprovado cientificamente que esses fatores contribuíram para níveis altíssimos de estresse.

 

Uma pesquisa realizada em 2021 pelo Instituto Ipsos apontou que 53% dos brasileiros declararam que seu bem-estar mental piorou desde o início da pandemia. Os índices colocam o nosso país em 5º lugar, de 30 posições, entre os que mais têm sentido as consequências da pandemia em seu bem-estar emocional. Outro dado é que o Brasil é a 7ª nação onde mais foi notado declínio na saúde mental, se comparado ao ano anterior do levantamento. São números expressivos, que não mudam do dia pra noite. 

 

Precisamos reforçar a importância de zelar por um bom ambiente de trabalho, ou seja, a empresa precisa garantir que isso não seja o maior fator que afeta a saúde mental de seu colaborador.

 

4 práticas para promover saúde emocional na corporação

 

Dar a garantia do equilíbrio emocional aos colaboradores é cuidar pela satisfação e pelos resultados positivos da empresa.

 

Nos últimos anos, essa iniciativa tem se tornado tendência, afinal, os empregadores já perceberam o quanto faz diferença promover um ambiente acolhedor, com segurança psicológica.

 

Em um recente levantamento realizado pela Kenoby, empresa de software de recrutamento e seleção, a saúde mental dos funcionários tem sido um dos principais pontos de atenção de equipes e gestores de RH.  37,7% das empresas têm benefícios de saúde psicológica para os seus colaboradores e 35% pretendem investir neles no futuro.

 

Por isso, selecionamos quatro ações relacionadas à gestão ocupacional que também podem garantir muitos benefícios e promover a saúde emocional dentro de uma empresa:

 

1. Incentive a prática de atividades físicas

 

A saúde física é um dos pilares do bem-estar e deve fazer parte da rotina para fornecer mais equilíbrio. 

 

O que ocorre na prática é que muitos colaboradores negligenciam essa recomendação, justamente por ter uma rotina atarefada. Cabe ao RH “cuidar” para que uma atividade física seja incorporada à rotina.

 

Oferecer benefícios de descontos em academias, centro de esportes e até, se possível, alguma atividade dentro da empresa. 

 

Também existem outras opções, como a promoção de comunicações de incentivo e dicas sobre exercícios físicos.

 

2. Abra espaço para comunicação interna

 

Muitas empresas se preocupam com acomodações e equipamentos de última geração, mas deixam um ponto central de lado: o incentivo à comunicação.

 

É importante reforçar que empresas são compostas por pessoas, e a relação entre elas é um fator muito importante para o bem-estar diário.

 

Muitos conflitos de trabalho são causados por um ambiente com uma comunicação limitada, mal-entendidos entre líderes e liderados, falhas em informações internas e comunicações sem empatia.

 

Isso afeta a saúde psicológica de muita gente e influencia diretamente no engajamento com a empresa. Por isso, é essencial promover um local de trabalho aberto ao feedback e ao diálogo amigável e profissional.

 

Promover rodas de conversa e promover ações interativas nos períodos de descanso é uma excelente alternativa. 

3. Crie laços no trabalho   

saude-emocional-lacos

Ter relações amigáveis e de confiança no dia a dia de trabalho pode colaborar em criatividade, produtividade, motivação e felicidade.

 

A lista de benefícios é longa. Todos esses pontos são essenciais para aumentar a saúde emocional no trabalho. Por isso, não deixe de promover relações benéficas dentro da empresa.

 

Algumas dicas neste sentido são: praticar a escuta ativa, ser respeitoso e empático, além de estar aberto a críticas e feedbacks.

 

4. Implemente um programa de saúde mental

 

Vale a pena reiterar que só é possível conquistar o bem-estar ao trabalhar todos os seus pilares, e o equilíbrio emocional é um dos mais importantes. Afinal, ele é o ponto de partida para todos os outros.

 

Por isso, para fortalecer a saúde dos colaboradores, busque apoio com quem pode oferecer um vasto programa de benefícios.

 

O app IVI une tecnologia, dados e orientação clínica. Utilizado por mais de 1 milhão de pessoas, já auxiliou dezenas de clientes corporativos em todo o País e quer ajudar, também, a sua empresa.  

 

A assistente virtual de saúde emocional e bem-estar funciona com inteligência artificial, prevenindo ativamente quadros de ansiedade e depressão, por meio de conteúdos em áudio, vídeo e leituras.

 

Deixe a IVI trabalhar pelo seu RH. Converse com nossos consultores e comece hoje mesmo a promover mais saúde na sua empresa.

Vamos juntos cuidar da saúde emocional dos seus colaboradores?

IVI é um aplicativo que atua como uma assistente de saúde, bem-estar e prevenção, oferecendo jornadas de conhecimento, terapia online e planos de engajamento, num só lugar.
Preencha o formulário para solicitar um contato de nossos consultores.